A montanha – 01

Olá, tudo bem, gostaria de aproveitar a oportunidade, pós festas de final de ano, reiterado pelo momento que normalmente nos comprometemos à sermos diferentes, começarmos academia, mudarmos velhos hábitos, e etc. Enfim, racionalmente do dia 31/12 ao dia 01/01 nada muda, o espaço é o mesmo, os locais também, o tempo passa igual, etc. Mas o que é legal desta época é que resolvemos, durante um período, acreditarmos em nós mesmos. Colocarmos metas, sonhos e ter força para iniciar a perseguí-los. Convido você a se perguntar se realmente é necessário esperar 12 meses para fazer isto?

Mas hoje, o que eu gostaria de falar pra ti, é sobre montanhas..
Montanhas? Tu deve estar te perguntando o que tem a ver montanhas com coaching, eu também acharia estranho, mas hoje percebi que tem tudo à ver. Passei meu primeiro dia do ano da melhor forma possível. Em contato com a natureza, mas principalmente comigo. Fizemos trekking, algumas pequenas escaladas, e uma travessia relâmpago em uma linha d’água. Passamos por lugares lindos, em uma paisagem com muito verde, pedras, agua límpida, a mais perfeita natureza.

Durante esta maravilhosa tarde, acabei por perceber muitas coisas, muitas possibilidades, vencer barreiras, perceber que ja venci muitas (como pular sem pestanejar de 5m de altura em uma piscina natural, sim, sou o mesmo cara que tinha medo de toboáguas) mas uma conversa que tive com um grande amigo, me possibilitou vários entendimentos e quem sabe até um foco para minha nova carreira de Coach.

Primeiramente, gostaria de agradecer de coração ao meu grande amigo Vinicius Deprá por ter me proporcionar a experiência de conversar com ele sobre este maravilhoso assunto, e posteriormente por ter me permitido tornar pública nossa conversa. Com certeza este é o primeiro de muitos posts sobre o assunto..

E a questão é, você ja escalou uma montanha?
Hoje, você se considera apto à escalar uma montanha?
Se existisse algo que o impedisse de escalá-la, o que seria?

Meu amigo, Viniciús, acabou de retornar de uma expedição à cordilheira dos andes, onde escalaram o Cerro Plata http://wp.clicrbs.com.br/todasasdirecoes/2013/12/26/grupo-bandeirantes-da-serra-retorna-de-expedicao-na-cordilheira-dos-andes
Então conversávamos sobre a experiência que tiveram naquela ocasião, todas as formas de controle, o que é esforço físico, o que é emocional o que podemos e o que devemos controlar dentro de nós mesmos.

Mas de toda conversa, neste post, gostaria de relatar um aprendizado, o aprendizado que me leva a refletir muito. Talvez, talvez todos nós devêssemos escalar uma montanha por ano pelo menos, quiçá uma por mês. Conforme a descrição de meu amigo, a escalada de alta montanha possui muitas características que podem por muitas pessoas serem consideradas insanas. Tais como, deixar o conforto de casa para correr riscos de vida, riscos de prejudicar a saúde, gastar muito dinheiro em equipamentos e suprimentos, enfim, abrir mão de algumas coisas necessárias (em minha compreensão) para subir uma montanha.

Então pude perceber que fazer uma escalada de alta montanha tem muito à ver com ir em busca dos nossos objetivos e sonhos. Algumas vezes temos que acabar abrindo mão de certas “necessidades” como segurança, bem estar momentãneo, despender algum recurso (seja dinheiro, tempo entre outros). Mas que ao percebermos e visualizarmos o cume da montanha, tudo vale à pena, bem como, quando focamos no nosso cume, em particular, estas privações de conforto ou dificuldades que encontramos pelo caminho, se tornam pequenos detalhes diante da grandeza do objetivo.

Então, por hoje, encerro meu primeiro post da série montanha. Em breve muito mais, pois acredito que as histórias que ouvi de meu amigo, juntamente com a minha percepção de coach, possam acrescentar muito na tua vida, e consequentemente te ajudar a subir a tua própria montanha!!

Te convido a iniciar a escalada, estou 100% comprometido em ser a pessoa que te acompanha, mostrando que o cume está à teu alcance e que tu é capaz de alcançá-lo!! Te convido a aproveitar este período de ano novo para quem sabe, se fizer sentido pra ti, iniciar a busca pelo teu “melhor eu”. Experimentar conviver com a pessoa mais realizada e feliz que há dentro de ti.. Entra em contato comigo e vamos juntos em busca do teu sucesso. Tua primeira sessão, é gratuita, e tenho certeza que vai te fazer perceber o quanto será valioso e revigorante nosso processo de coaching.

Grande abraço e felicidades em nossas buscas!!

20140102-032156.jpg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s